O presidente Tico Kuzma (Pros) mostrou na segunda parte da ordem do dia de ontem do legislativo da capital do Paraná, que o líder do prefeito Rafael Greca (DEM), Pier Petruzziello (PTB) está perdendo espaço entre os vereadores da base da Câmara Municipal de Curitiba e a comprovação foi a votação do pedido de urgência para o parcelamento de multas de trânsito contraídas na pandemia, articulado por Denian Couto (Podemos). 

Petruzziello achava que não tinha que facilitar e encaminhou a votação pela derrubada da proposta, votaram 18 pela a urgência e outros 18 pelo trâmite normal, racha meio a meio, aí quem desempata, o presidente Kuzma, que votou sim e mandou um recado para Greca: Petruzziello está sem tanta moral, quem dá as cartas na Câmara é ele e o secretário de Governo, Luiz Fernando Jamur, precisa estar em constante contato com o principal nome da Mesa Executiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *