A prefeita de Ponta Grossa, Elizabeth Schmidt (PSD), decretou lockdown no município por 12 dias. A medida começa a valer na próxima quinta-feira (18) e vai até dia 29. Até mesmo o transporte coletivo vai ser paralisado na cidade. Conforme for a situação sanitária ao fim dos 12 dias, a partir do dia 29 será feita uma reabertura gradual dos setores, diz a prefeita. Até lá, só os serviços estritamente essenciais podem funcionar.

Em vídeo, Elizabeth explica que a cidade tem visto aumentar o número de mortes pelo coronavírus e os hospitais lotarem na cidade, assim como em todo o Paraná. Antes de tomar a decisão, ela diz que consultou lideranças de diversos setores e também os vereadores da cidade. Obteve apoio de todos para decidir pelo lockdown.

“Sabemos do sofrimento do comércio, a dificuldade financeira que muitas famílias estão enfrentando. Mas neste cenário que vivemos, com o sistema de saúde colapsado, equipes médicas exaustas, nossa decisão é por salvar vidas. Não queremos mais famílias chorando a perda de entes queridos”, justificou a prefeita.

Os serviços de alimentação de restaurantes e lanchonetes estão autorizados a funcionar das 10h às 22h, todos os dias da semana, exclusivamente na modalidade delivery. Está proibido o consumo no local, drive thru e retirada no balcão. Para panificadoras, padarias e confeitarias, o funcionamento está restrito das 6h às 20h, de segunda à sábado, e das 7h às 18h aos domingos. O consumo nestes locais está proibido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *