A espera por uma dose do imunizante contra a Covid-19, no Parque Barigui em Curitiba, superou 5 horas. Quem foi até o chamado Pavilhão da Cura, nesta quinta-feira (25), relatou filas intermináveis, tanto para quem optou por se vacinar no carro; quanto para os profissionais de saúde, que se aglomeraram em uma fila de centenas de metros. O calor dificultou ainda mais a espera – quem foi se vacinar na parte da tarde, enfrentou um sol forte e temperatura na casa dos 28 graus.

O ouvinte Horbete Souza acompanhou um parente na vacinação. Segundo ele, a espera levou quase cinco horas.

Nesta quinta-feira (25), a vacinação aconteceu para os idosos com 73 anos ou mais, além dos profissionais da área da saúde. Uma ouvinte que trabalha num hospital da Grande Curitiba e preferiu não ser identificada, disse que chegou as 3 e meia da tarde no posto de vacinação.

Às 18h30, após 3 horas de espera, ela entrou em contato com a equipe de reportagem da BandNews FM.

Em nota, a Prefeitura de Curitiba diz que a demora na fila de vacinação dos profissionais da área da saúde decorre dos rigorosos controles de cadastro e registros exigidos na vacinação contra a Covid-19, o que faz com que o tempo de espera seja maior.

Sobre a acumulação de carros nos pontos de drive-trhru, a Prefeitura ressalta que estes pontos de atendimentos são indicados a pessoas que tem dificuldades de locomoção. O Executivo municipal recomenda que os idosos que não se enquadram neste critério, devem procurar, conforme a convocação e cronograma, em um 11 pontos fixos de vacinação contra o coronavírus na cidade.

Em nota, a Prefeitura de Curitiba diz que a demora na fila de vacinação dos profissionais da área da saúde decorre dos rigorosos controles de cadastro e registros exigidos na vacinação contra a Covid-19, o que faz com que o tempo de espera seja maior.

Sobre a acumulação de carros nos pontos de drive-trhru, a Prefeitura ressalta que estes pontos de atendimentos são indicados a pessoas que tem dificuldades de locomoção. O Executivo municipal recomenda que os idosos que não se enquadram neste critério, devem procurar, conforme a convocação e cronograma, em um 11 pontos fixos de vacinação contra o coronavírus na cidade.

Por: BANDNEWS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *