Conforme o levantamento, outros 13 mil funcionários perderam o emprego no setor, em 2020, na capital. Governo estuda novo pacote econômico para socorrer empresas.

Cerca de 5 mil trabalhadores de bares, restaurantes e lanchonetes foram demitidos após os 23 dias de bandeira vermelha, em Curitiba, segundo um levantamento feito pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel).

De acordo com a Abrasel, 13 mil trabalhadores do setor perderam o emprego, em 2020, na capital. Antes da pandemia, 32 mil pessoas trabalhavam na área. Esse número caiu para 19 mil, em 2021. 

Depois disso, mais 25% dos empregados foram desligados. As demissões ocorreram no começo de abril, segundo a associação.

A gerente de restaurante Kelem Mayer está prestes a perder o emprego, onde trabalha há 15 anos. O dono do estabelecimento avisou que irá fechar o local até o fim de abril.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *