O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), disse hoje que o Brasil está no limite e, sem ser específico, afirmou que aguarda ‘uma sinalização do povo’ para ‘tomar providências’. Ele ainda falou em ‘barril de pólvora’ por causa dos problemas sociais gerados pela pandemia do novo coronavírus no Brasil.

O Brasil está no limite, pessoal fala que devo tomar providência… Estou aguardando o povo dar uma sinalização porque a fome, a miséria e o desemprego estão aí, só não vê quem não quer

Jair Bolsonaro, Presidente do Brasil

Depois de falar que recebeu informações do Ceagesp (Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo) de que tomates estão sendo desperdiçados, Bolsonaro fez uma suposição de que seria apontado como culpado diante de uma escalada da inflação. Neste momento, pausadamente, ele disse aos apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada:

Na sequência, ele usou mais uma vez uma interpretação distorcida de decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) para dizer, de forma equivocada, que não tem poder sobre a política para conter a covid-19 no Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *