A global Juliana Paes, é um dos assuntos mais comentados, desta segunda-feira (28), no Twitter. A galera esquerdista “do paz e amor”, aquela mesma que nunca nutre o ódio, está atacando a atriz por, supostamente, ser eleitora do presidente Jair Bolsonaro. Internautas comunistas resgataram – sabe-se lá por que – declarações antigas de 2019 e iniciaram uma série de insultos e tentativa de “cancelamento digital” dela.

Entre as postagens ofensivas, uma foi muito republicada:

“Burra igual a Bibi”, escreveu uma seguidora, referindo-se à personagem da atriz na novela “A Força do Querer”, de 2017.

O motivo do linchamento virtual tão repentino seria uma entrevista que Juliana concedeu, ano passado, ao jornal O Globo, na qual afirmava, corajosamente, que não era contra o presidente Bolsonaro e torcia pelo Brasil.

“Se a Juliana Paes é bolsominion, então ela pode até ser uma boa atriz e ser linda, mas, definitivamente, não é maravilhosa Ser bolsominion vai além de ser um defeito: é puro mau-caratismo”, disse um perfil intitulado “Jim #forabolsonaro”.

“Juliana Paes bolsominion??? Jura que só eu já sabia disso? Burra igual a Bibi mas, prefiro a perigosa”, ofendeu outra seguidora.

Juliana Paes, uma das poucas atrizes que ainda não teve o contrato encerrado pela TV Globo, não revidou as ofensas nem se manifestou sobre o caso.

2 Comments

  • Abimael, 28/12/2020 @ 18:48 Reply

    Para

  • Fakeflip, 29/12/2020 @ 05:53 Reply

    Xingar do que se é. Esse é o máximo que são capazes de fazer os poucos neurônios dentro da caixinha ideológica Paulo Freiriana. Lamentável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *